A potiguar Carolina Beghelli, de 22 anos, aluna do 9º período do curso de Direito da Universidade Federal do Rio Grande do Norte foi a única mulher e a única do Rio Grande do Norte a ser aprovada como estagiária na Comissão Interamericana de Direitos Humanos, órgão de justiça internacional vinculado à Organização dos Estados Americanos sediado em Washington D.C., nos Estados Unidos. Além dela, apenas três brasileiros foram selecionados para a experiência.